Envie seu whats:
(54) 99664-0955

MEGA NEWS Ver +


Dia do Rock: por que a data é celebrada em 13 de julhoDia do Rock: por que a data é celebrada em 13 de julho

Compartilhe:
Publicado em 13/07/2020, Por Fonte: Jéssica Otoboni, da CNN, em São Paulo.

O Dia Internacional do Rock é comemorado nesta segunda-feira (13). A data celebra não apenas um ritmo musical, mas um estilo de vida. E o 13 de julho foi escolhido em função de um marco da década de 1980, quando um evento musical gigante reuniu milhões – alguns estimam bilhões – de pessoas para acompanhar um festival com shows beneficentes.

Em 13 de julho de 1985, o Live Aid reuniu nomes de peso do mundo do rock, como Queen, David Bowie, The Who, U2, Led Zeppelin, Mick Jagger, Black Sabbath, Dire Straits, Eric Clapton, Elton John, Phil Collins, entre outros. 

Idealizado pelo cantor e compositor irlandês Bob Geldof, o evento tinha como objetivo arrecadar fundos para combater a fome na Etiópia. Para isso, foram realizados dois shows simultâneos, um no Wembley Stadium, em Londres, e outro no John F. Kennedy Stadium, na Filadélfia. Durante as apresentações, o público era incentivado a ligar para um número de telefone e fazer doações.

Foi no Live Aid que o Queen fez a histórica apresentação, adaptada no filme biográfico Bohemian Rhapsody (2018), pelo qual Rami Malek ganhou o Oscar de Melhor Ator por interpretar Freddie Mercury, vocalista da banda. A apresentação em 1985 entrou para a história do rock e da música como um todo. 

Segundo estimativas, o evento reuniu cerca de 72 mil pessoas no Wembley Stadium e 90 mil no JFK Stadium, além das mais 1 bilhão em 100 países que acompanharam os shows ao vivo por TV e rádio. Os números variam, mas acredita-se que o Live Aid arrecadou aproximadamente US$ 100 milhões.